Interpretação de espermograma após reversão de vasectomia

A reversão de vasectomia é um procedimento com taxas de sucesso interessantes que podem ajudar muitos casais a realizar o sonho de ter filhos. Geralmente, exames de espermograma são utilizados para avaliar o sucesso do procedimento.

Porém, é um fato comum na pratica clínica que pacientes submetidos à reversão de vasectomia tenham contagens de espermatozoides diminuídas no espermograma. Felizmente, já há estudos demonstrando que mesmo aqueles que mantenham números desanimadores no espermograma são capazes de engravidar suas parceiras.

Um estudo recente demonstrou que as taxas de gravidez espontânea foi 15%, 21,3% e 14,8% em pacientes com concentração espermática <5 milhões/mL, motilidade espermática <10% e morfologia normal <1%, respectivamente.

Conclui-se então que os intervalos normais de parâmetros do sêmen estabelecidos pelos padrões da OMS de 2010 podem não prever adequadamente as taxas de sucesso da reversão de vasectomia, já que resultados significativamente mais baixos podem ser suficientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Eduardo de Paula Miranda - Doctoralia.com.br